Celebração

 

Bibliotecado CT completa 45 anos

 

Na terça-feira, 25, das 9h às 16h, a biblioteca abre suas portas para receber a comunidade universitária com uma programação diversificada e de qualidade

 

“Informação, conhecimento e memória” é o tema das comemorações pelos 45 anos da Biblioteca Central do Centro de Tecnologia (CT) da UFRJ. A unidade abriga milhares de obras referentes à engenharia e atende alunos de graduação e pós-graduação de toda a universidade, principalmente dos cursos da área tecnológica, como da Escola Politécnica, Escola de Química, Coppe e do Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza (CCMN), além do público em geral.

 

O bibliotecário-chefe da biblioteca, Francisco de Paula Araújo, destacou a importância de se resgatar a memória do local. “A maioria das bibliotecas não possui o hábito de se aprofundar em sua própria história, mas nós quisemos proporcionar ao público um contato com o passado daqui”, disse, referindo-se às comemorações que começam na terça-feira, 25 (veja programação nesta matéria).

 

Atualmente 22 servidores trabalham diariamente na biblioteca: 10 bibliotecários e 12 auxiliares e assistentes, sendo dois  formados em Biblioteconomia, dois vigilantes e três auxiliares de serviços gerais.

 

História e serviço

Inicialmente a biblioteca funcionava na Coppe, mas em 1973 foi transferida para o segundo andar do bloco B do Centro de Tecnologia. Em 1981, as obras mais importantes foram transferidas para a Biblioteca de Obras Raras e Antigas, que fica na ligação dos blocos ABC do prédio do CT.

 

A biblioteca atende o público interno e externo das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, para consulta e empréstimo de volumes (empréstimo somente para integrantes da comunidade universitária). Também fornece cópias de obras do acervo. O ambiente é climatizado, equipado com rede wi-fie computadores, com acesso livre aos visitantes, e dispõe de bebedouros e sanitários exclusivos. “Oferecer, além de todo o acervo, conforto maior para os visitantes é o nosso carro-chefe. Muitos alunos passam o dia inteiro aqui estudando e realizando pesquisas. Nada mais justo que lhes dar uma comodidade além do que já é esperado”, ressaltou Francisco de Paula.

 

Ciranda Literária – É um projeto do CCMN incorporado pela biblioteca do CT consiste em oferecer livros de literatura – inclusive para empréstimos, mas somente para a comunidade universitária. Segundo Francisco de Paula, esse diferencial contribui para aproximar as pessoas do ambiente bibliotecário.

 

Programação

A exposição “A Biblioteca Central do Centro de Tecnologia da UFRJ faz 45 anos”, que expõe antigos equipamentos, como leitor de microfilmes, mimeógrafo, aparelhos de telefone e mobiliários dos anos 1970, ficará aberta ao público no Salão de Leitura até o mês de dezembro.

Faz parte do acervo da exposição a dissertação de mestrado do professor Alberto Luiz Galvão Coimbra, fundador da Coppe, defendida em 1949 na Universidade Vanderbilt,situado em Nashville, Tennessee, nos Estados Unidos, assim como a de Jayme Luiz Szwarcfiter, engenheiro responsável pela automatização de todas as tarefas de uma biblioteca, datada de 1971.

 

Na terça-feira, 25, das 9h às 16h, estão programadas palestras, relatos, como o de Fátima Raposo, primeira bibliotecária da unidade, homenagens, música e coquetel. O evento é aberto à participação de técnicos-administrativos, docentes e estudantes da universidade. Confira a programação completa no site www.bibliotecado.ct.ufrj.br.