Vacinação no HUCFF

Compartilhar:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

O Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF), que iniciou a imunização dia 21 de janeiro, vacinou até o momento cerca de dois mil profissionais que receberam a primeira dose da Coronavac, de acordo com a assessoria de comunicação da unidade. Esse número é menos da metade da quantidade de trabalhadores que atuam no hospital.

Os trabalhadores imunizados integram os grupos prioritários que atuam em contato direto com pacientes enfermos de Covid-19.  

Como se sabe, a caótica ação do governo federal que foi incapaz de negociar e obter vacinas suficientes para um plano consistente de imunização e salvar vidas, tem transformado a expectativa em relação à imunização num sofrimento a mais num país castigado por milhares de mortos.

No HUCFF, as doses são da Coranavac Butantan e ficam armazenadas no Centro de Vacinação de Adultos (CVA) que libera a quantidade diária, de acordo com o número de profissionais que serão vacinados no dia.

Como a unidade de saúde recebeu mais doses, além das 1.440 disponibilizadas inicialmente, o HUCFF conseguiu vacinar também outros grupos. Para imunizar todos os trabalhadores do hospital são necessárias 4.300 doses.

Dinâmica

Segundo a assessoria, as doses das vacinas estão chegando gradativamente, e como o hospital tem seguido os critérios do Ministério da Saúde e da Secretaria Municipal de Saúde, irá dando continuidade aos grupos à medida que as doses chegarem. 

No dia 26 de janeiro, por exemplo, iniciou-se a vacinação para os profissionais de mais de 60 anos. Já no dia 27 de janeiro não houve vacinação, pois o hospital aguarda novas doses as quais ainda não foi informado quando chegarão.

Diariamente a assessoria dispara informes nos e-mails sobre o andamento da vacinação, além dos comunicados diretos da chefia do Setor/Serviço com os seus funcionários. 

Imunização

Além de médicos, enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem, profissionais como ascensoristas, maqueiros, residentes, funcionários de laboratórios, fisioterapeutas e fonoaudiólogos também estão sendo imunizados.

A assessoria informou os setores onde a imunização já foi feita: 

CTI (Geral / Covid / Cardíaco)

Anestesia

DIP

Emergência

Hemodiálise

Tomografia

Técnicos de Raio X

Maqueiro

Laboratórios

Fisioterapia 

Terapia ocupacional

Fonoterapia

IDT

Morgue (Necrotério)

Ascensoristas

Residentes 

COMENTÁRIOS