Categoria rumo a ato na Candelária e ao Ocupa Brasília

Compartilhar:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Assembleia desta quarta-feira (8) deliberou acerca da participação dos trabalhadores nas ações contra cortes na educação e pela recomposição salarial

Os mais de uma centena de trabalhadoras e trabalhadores presentes na assembleia do Sintufrj desta quarta-feira (8) no auditório do Centro de Tecnologia (CT) — e transmitida pelo Facebook da entidade –, aprovaram a participação dos técnico-administrativos em educação da UFRJ, sob a liderança do Sintufrj, nas duas ações imediatas do Calendário de Lutas da Fasubra:

. No ato de protesto contra os cortes nas verbas para a educação, nesta quinta-feira, 9, às 16h, na Candelária, centro do Rio – mobilização essa que ocorrerá em todo o país.

. E o envio pelo Sindicato de caravaneiros para reforçar o movimento Ocupa Brasília, na terça-feira, 14 de junho, pela recomposição do orçamento da educação e por reajuste salarial para o serviço público federal.

Ato no Rio — Às 15h desta quinta-feira, 9, um ônibus parte da sede do Sintufrj, no Fundão, em direção à Candelária (a condução é só de ida). Participe desta luta, companheiras e companheiros!

Ocupa Brasília — As inscrições para participar da caravana foram feitas ao final da assembleia. Mas, atenção: somente poderão viajar com o Sintufrj as companheiras e companheiros que tomaram até a terceira dose da vacina contra a covd-19 e apresentarem teste negativo contra o vírus, realizado na segunda-feira, 13.

Plenária decidiu e a

Assembleia referendou

O debate sobre a Campanha Salarial foi à luz do resultado de três dias de discussões sobre esse e outros temas, na plenária nacional da Fasubra (de 3 a 5 de junho, na UnB/Brasília). O Sintufrj participou com oito delegados.

Veja as deliberações da assembleia sobre a conjuntura nacional:

  • O Sintufrj acumulará o debate sobre a questão de segurança da categoria em protestos e ações de rua.
  • Reafirmar a luta para derrotar a política de Bolsonaro e o fascismo.

3- Construir proposta da categoria a ser apresentadas aos candidatos.

4 – A coordenação da entidade fará debates com as candidaturas do campo de esquerda e todos os candidatos filiados ao Sintufrj, a partir de perguntas do movimento.

5 – Em julho, o Sintufrj realizará debate sobre as eleições com a categoria.

Propostas aprovadas para a pauta interna:

  • Retomar o grupo de trabalho para construir posições sobre a reorganização do trabalho.
  • Construir urgente o debate sobre trabalho a distância/híbrido.
  • Lutar contra o ponto eletrônico.
  • Lutar contra a Ebserh.
  • Lutar pela contagem do tempo de serviço de insalubridade.
  • Organizar uma reunião sobre carreira antes do encontro nacional da Fasubra, que será realizado no dia 25 de junho.
  • Realização de assembleias simultâneas em outros campi, em especial no centro da cidade.

Mesa – A assembleia foi dirigida pelos coordenadores-gerais Esteban Crescente e Marta Batista; e pelos coordenadores de Políticas Sindicais Ana Beatriz Pinheiro e Luciano da Cunha.

Homenagem – A assembleia foi aberta com um Minuto de Silêncio em homenagem ao companheiro motorista da UFRJ Antônio Soares dos Santos (Siri) que faleceu esta semana.

 

ABAIXO, servidores votam deliberações da assembleia. No alto, imagem com os participantes da reunião no auditório do Centro de Tecnologia (CT).

COMENTÁRIOS