UFRJ: assembleia aprova adesão à greve de 18 de março

Compartilhar:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

UFRJ: assembleia aprova adesão à greve de 18 de março

Movidos pelo forte sentimento de que, com seus ataques à Educação, às universidade, aos serviços públicos e aos trabalhadores, este governo precisa ser enfrentado, trabalhadores técnico-administrativos da UFRJ aprovaram por unanimidade, na assembleia geral desta quinta-feira, dia 12 de março, adesão à greve geral da Educação pública, no dia 18, e às atividades unificadas propostas pelas entidades representativas dos três segmentos.

O espírito que norteou as intervenções foi a necessidade de unidade e força para levar à população, informações concretas e desmentir os ataques com que o governo tenta destruir a universidade, cortando direitos de seus trabalhadores.

A assembleia, a princípio marcada para o auditório do Quinhentão, no CCS, foi transferida para a escadaria do bloco L do Centro, seguindo orientações de segurança do Grupo de Trabalho da UFRJ sobre o Novo Coronavírus.

Os presentes também elegeram quatro delegados para a próxima plenária nacional da Fasubra, dias 13, 14 e 15 de março em Brasília. Eles levarão à plenária a posição de que a Fasubra deve ser protagonista na construção da greve unificação da Educação e dos Serviços Públicos.

Conheça as demais deliberações através do depoimento da coordenadora de Educação do Sintufrj Joana de Angelis.

COMENTÁRIOS