Ação afirmativa: Odontologia oferece Banco de Instrumentos

Compartilhar:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Alunos da Faculdade de Odontologia com dificuldades financeiras, cotistas ou não, desde segunda-feira, 2, contam com espaço próprio para o Banco de Instrumentais Odontológicos (BIO FO-UFRJ). O novo espaço foi inaugurado em evento no Núcleo de Ações Afirmativas e Sustentabilidade, com participação do corpo social da faculdade, reitora e dirigentes da UFRJ.

O Banco de Instrumentais foi criado em 2017, através do projeto “Quero ser cirurgião-dentista”, a partir da necessidade de apoiar a permanência do aluno, numa atuação coletiva de técnicos, professores e alunos, sensíveis às dificuldades dos estudantes com menor poder aquisitivo para adquirir materiais e equipamentos da área que são caros.

O BIO funcionava numa salinha do Serviço Social e agora funcionará em espaço próprio e com mais apoio institucional. Além de instrumentais, os estudantes terão à disposição material didático para consulta. O banco é mantido por meio de doações, a maioria de ex-alunos, professores, cirurgiões dentistas, e atende atualmente a 23 alunos.

Celebração

O arcabouço do projeto “Quero ser cirurgião-dentista” foi apresentado pela professora Marcela Alves, que o coordena. Ela falou da boa repercussão. “Temos recebido pedidos de informações de outras instituições. Ficamos orgulhosos”. Ela comemorou o novo espaço: “Agora o banco de instrumentais pode crescer e atender cada vez mais alunos”.

Denise Pires declarou que sempre foi uma defensora da inclusão e abarçou desde o início a política de ações afirmativas. A reitora afirmou que dará apoio ao BIO da Odonto e se compromete a fazer uma doação. Disse ainda que vai lutar por mais orçamento para a universidade e verba para ações como a da Odontologia.

“Não há outro caminho que não seja o da educação. Não vamos mais reproduzir as diferenças sociais que existem na sociedade. Vamos ser aqui o agente transformador”, finalizou a reitora.

“É uma ação afirmativa e de aproveitamento de material”, observou a diretora da Faculdade de Odontologia, Márcia Cabral, lembrando que o Núcleo de Ações Afirmativas também atua pela sustentabilidade.

As assistentes sociais Márcia Carvalho e Denise Góes, responsáveis pela orientação dos alunos, que acompanham o projeto desde o início, ratificaram a importância do apoio às ações afirmativas:

Márcia falou com orgulho do trabalho desenvolvido pelas profissionais da Odonto destacando o cuidado que se deva ter com os alunos cotistas.

“Temos que abraçar as ações afirmativas, ter esse olhar acolhedor. Saber que o aluno que não pode comprar material tem esse apoio aqui só nos dá orgulho. Temos sim de ter muito orgulho, pois só a gente sabe o quanto nos custou chegar a esse patamar”, disse Márcia.

Denise ressaltou a importância da implantação e da solidificação das ações afirmativas na UFRJ. E elogiou o apoio da reitora vislumbrando o futuro.

“Denise tem se colocado a favor dessa política e a Reitoria está a serviço dessa causa. É preciso agora aprofundar esse processo. Hoje podemos dizer que estamos estruturando uma parceria de verdade com a Reitoria dessa universidade”.

O decano do Centro de Ciências da Saúde (CCS), Luiz Eurico Nasciutti, também prestigiou o evento.

Realidade

Segundo Marcela Alves, ao longo da faculdade, o aluno recebe 22 listas de material. São 160 instrumentais diferentes e cerca de 200 itens de material de consumo. Foram orçados 47 instrumentais tidos como itens caros, chegando a um total de R$ 9.555,86.

Inclusão

O banco de empréstimo de instrumentos odontológicos existe desde 2017 e foi criado para atender aos alunos da faculdade com vulnerabilidade socioeconômica. O objetivo foi e é o de proporcionar a permanência desse perfil de aluno na universidade e dar condições para que possa concluir seu curso. Agora, o banco de instrumentos, ganhou novo espaço e próprio, inclusive com material didático para consulta.

Ele é mantido por meio de doações de materiais e instrumentais, sem fins lucrativos, fornecidos em sua maioria por ex-alunos, cirurgiões-dentistas e professores. E a comunidade da Odonto quer dar visibilidade ao projeto.

Como doar para o banco:

Para fazer a doação é preciso enviar email para banco.instrumentais@odonto.ufrj.br. O projeto pode ser acessado pelo facebook no endereço @querosercirurgiaodentista e no instagram: bio­­­_foufrj.

COMENTÁRIOS