Educação Física é campeã

Compartilhar:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

A equipe da Escola de Educação Física e Desportos conquistou a taça da Copa Sintufrj de futebol de campo, na categoria abaixo de 45 anos. Na partida final do campeonato, na sexta-feira, 6, p placar foi de 3 a 1 na Vila Residencial.

“Somos pentacampeões! Este é o quinto campeonato promovido pelo Sintufrj que ganhamos: quatro society e um de campo”, comemorou o técnico do time, Antônio Paulo, o Papai Joel.

Foi uma final surpreendente, porque a equipe da Vila Residencial liderou a competição.

“Acabamos o quadrangular em primeiro lugar, mas não levamos a taça. Infelizmente, na última partida deixamos o time adversário dominar o jogo e perdemos. Vamos nos preparar para fazer uma melhor campanha no próximo campeonato”, prometeu Valdney Pereira, o piolho, técnico da Vila.

Disputa em campo

No primeiro tempo, a Educação Física fez dois gols: um de Rodrigo Batista e outro de Leandro Fernandes, o Leandrinho.

No segundo tempo, logo no início, houve pênalti a favor da Educação Física. Diogo Felipe converteu. A Vila fez seu gol de honra com Rodrigo Azevedo.

 

Celebração   

A comemoração e a entrega de taças e medalhas aos vencedores e aos que se destacaram durante a competição foi logo após o jogo, no Espaço de Convivência Marlene Ortiz, no Sintufrj. Um churrasco de confraternização, ao som do grupo Tá Ligado, marcou o encerramento da Copa Sintufrj, iniciada em outubro.

As coordenadoras de Esporte e Lazer do Sintufrj Noemi de Andrade e Dulcinea Barcellos, enalteceram a integração entre as gerações de trabalhadores que sempre marcam presença no campo da Prefeitura Universitária, no Fundão.

“Essa Coordenação tem a capacidade de aproximar veteranos das novas gerações de atletas da categoria. E nessa integração, temos a oportunidade de aliar a discussão política ao esporte, conscientizando os trabalhadores da UFRJ da necessidade de combater governos e políticas que retiram direitos da classe trabalhadora e da população em geral”, disse Noemi.

“A Copa foi um momento muito bom de descontração num momento de tantas notícias ruins e de destruição de direitos. Tivemos muito entrosamento e camaradagem nos meses da competição. Novas amizades surgiram e os servidores antigos na universidade tiveram a oportunidade de interagir com os recém-chegados, e vice e versa”, comemorou Dulcinea.

A coordenadora-pedagógica do Espaço Saúde, Carla do Nascimento, reafirmou a integração promovida pelo esporte: “Os jogos de futebol promovem a integração entre os trabalhadores e contribui para se reconhecerem como uma categoria só. Somos todos UFRJ!”.

Destaques em campo

Goleiro menos vazado: Jair Fonseca, o Babalu (da Vila Residencial)

Artilheiros com três gols: Rodrigo Teobaldo e Cláudio Márcio (Vila Residencial) e Diogo Felipe (Educação Física).

Classificação geral:

4º Lugar: CCS

3º Lugar: ETU

2º Lugar: Vila Residencial

Campeão: Educação Física

Equipe Técnica

Apitaram a final o árbitro Alexandre Samuel com os auxiliares Carlos Martins e José Cláudio de Sousa.

 

Próximo jogo

No dia 11, às 16h, na categoria acima de 45 anos, Prefeitura Universitária e Educação Física disputarão outra final, no campo da Prefeitura Universitária.

 

 

COMENTÁRIOS