Encontro Nacional do Setor Público divulga Manifesto e encaminhamentos contra a Reforma Administrativa

Compartilhar:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Documento e sete ações emergenciais foram aprovadas no último dia do encontro, na nesta sexta (30), durante a plenária de organização do Plano Nacional de Mobilização dos servidores municipais, estaduais e federais contra a PEC 32

Escrito por: Divulgação • Publicado em: 30/07/2021 – 

Confira as sete ações emergenciais dos servidores para derrotar a Reforma Administrativa

 

Leia o Manifesto:

O presente Encontro Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Setor Público é fruto do esforço de construção e de um amplo processo de unidade das centrais sindicais CUT, CSP-CONLUTAS, CTB, PÚBLICA, CGTB, UGT, Força Sindical, Intersindical Central da classe trabalhadora, NCST – Nova Central, CSB, Intersindical – Instrumento de luta e organização da classe trabalhadora, além de outras entidades representativas do movimento de trabalhadores e trabalhadoras como FONASEFE, Movimento BASTA, UPB – União dos Policiais do Brasil, e também da Frente Parlamentar Mista do Serviço Público.

Os resultados desse evento, estampados neste documento, apontam o caminho para o combate à política criminosa e destruidora dos serviços e dos servidores públicos estabelecida na Proposta de Emenda Constitucional 32, que impõe um duro golpe às políticas sociais de saúde, educação, segurança, dentre várias outras, e a extinção dos regimes jurídicos únicos nas esferas dos municípios, estados e União, vilipendiando de forma perversa os preceitos constitucionais da Carta Magna de 1988.

Esse encontro aponta o caminho da luta e da resistência e chama o povo brasileiro a somar-se nessa cruzada para evitar um duro golpe nas conquistas e direitos sociais de nosso povo consignados nessa terrível reforma administrativa.

A derrota da PEC 32 é a vitória do povo trabalhador brasileiro. Esse é o nosso propósito e essas são nossas tarefas!

 

 

COMENTÁRIOS